Recém Experientes gostam de Testinhas Proeminentes?

Ser forte é ser forte no limite, pois o que passar deste limite, se torna arrogância, pendantismo e presunção. A formiga é forte, porque ela é só formiga. O leão é forte, sendo somente leão e agindo como um leão. O homem para ser forte precisa agir como homem, sendo somente homem. A força está na força da singularidade. Penso nisto, quando vejo docentes em início de carreira quando precisam encarar turmas dentro da categoria do ensino médio e fundamental. O aluno faz graduação, às vezes faz mestrado (doutorandos só querem saber de adultos), faz concurso para o Estado ou para Prefeitura, é aprovado, e pum!!!!! Chega ao primeiro dia de aula e se depara com aquela gurizada porra louca, animada e cheio de energia bélica. Ihhhhhhhhhhh.....Tio de música chegou!!!! Hehehe.... Me lembro que no primeiro dia de aula, encarei uma turma de uns 35 alunos (parecia sardinha muvucada)...faixa etária entre 10 e 12 anos. A primeira coisa que eles me perguntaram foi: Tio de Música! Qual é o teu nome? Joe ou Joeblack...Tio de Música: O Senhor sabe dançar funk? Não... Tio de Música! Manero porque você usa brincos enormes..Tio de Música! Você é casado? Naaaaaao. Tio de Música! Mas o Senhor tem namorada? To brigado com a pitanga, disse eu....Tio...Pitanga..Manero este nome (e você gosta dela? Sim...Tio de Música! Tu tem facebook? Tenho..Dá pra gente o endereço...Tio de Música! Mas, o Senhor tem filho, não tem? Não tenho...Tio de Música! Quantos anos o Senhor tem? 32.."Ih Tio..ENTÃO O SENHOR É BROCHA...Meu pai é mais novo do que ocê e já tem 5 filhos"....Me caguei (borrei de rir) naquela manhã de delírios cômicos de júbilo e de lógica social\contextual.....Tentei me segurar, mas não deu, mas faz todo sentido a analogia daquelas crianças, pensando no contexto em que eles vivem. Fazer filhos é um sinal de sensualidade e potência masculina e feminina. Mas, para não ficar mal na fita afirmei: "Tio é brocha coisa nenhuma...o Tio dá no couro três vezes ao dia"...."Ihhhhhhhhh;....Caraaaaaaaaaca ....O Tio é o caaaaaaaaara"...reagiram eles..."Tio! Conta prá gente: Quem é que tu tá pegando?...É uma professora? Tio..conta...só no sapatinho"...Non non nin non non...rs..finalizei eu...."Tio, eu só tenho 12 anos, mas já tenho um piruzão...Tio! Prá quê esconder o jogo? Tio, ninguém aqui é otário não tio.....Eu vejo redtubes....bigtitstubes....http:::tubes..tubes tubes..."...Naaaaaao, vamos começar a aula... Nunca me esqueci o dia em que entrei dentro de uma sala de aula e vi uma criança de 6º ano que disse-me na cara de pau: Tio de Música! Nem adianta você me dá letras de música para eu ler, porque eu ainda não sei ler...Nunca me esqueci o dia em que uma criança de 1ª série chorava dolorosamente e toda turma sofria silenciosamente numa cumplicidade de sofrimento kid coletivo. Nunca me esqueci o dia que uma criança bem negrinha me abraçou no final da aula e disse-me no meu ouvido: Tio! Quando eu crescer, eu quero ser professor igual o senhor. Nunca me esqueci o dia em que entrei numa turma do balacubaio de 1º ano e pedi a uma criança agitadérrima chamada Alcivan que ele fosse meu inspetor. E ele perguntou-me: "Tio de Música! Mas o que é ser inspetor"?...Eu expliquei.."Você vai ficar de olho nos teus colegas. Se você vê alguns bagunçando ou brigando, você chega junto e briga com eles e\ou me avisa. Somos parceiros, ta?" Ele disse: "fechado tio"...Ele era o poderoso chefão da bagunça..Começou a aula e a turma tava naquele agito de sempre, e lá tava ele gritando: "Fulano! Fica quieto...Tio mandou"...O Fulano ta bagunçando.."O tio falou que eu sou inspetor", peitava ele diante dos colegas capetinhas....Ele cumpriu esta função durante uns 5 minutos...Sem querer querendo, lá estava ele comandando a bagunça...kkkk....Quando eu olhei para ele, ele disse: "Ih Tio! Esqueci...Adoro uma baguncinha...kkk"....O legal da criança é que ela bate no outro com frieza e volta a ser amigo com a maior frieza. A criança brinca e briga com naturalidade pueril, e isso, é importante para o desenvolvimento das forças defensivas cognitivas, pois se a criança ficar sem este exercício bélico, ela cresce e se torna um adulto boboca e sem capacidade de auto defesa e enfrentamento no mundo do tudo a favor de tudo e do tudo contra todos. Nunca me esqueci do dia que vi uma criança quebrando um brinquedo e insensivelmente, a tia brigou com aquela criança. A criança destrói\abre o brinquedo para descobrir\visualizar a alma do brinquedo, escreveu o filósofo alemão Walter Benjamin em seu singelo livro “Reflexões sobre a criança e o brinquedo”. Penso que nós, professores devemos ser homens e mulheres com olhos de boa vontade, para olhar o mundo mágico da criança. Penso que devemos ser portadores da escuta de boa vontade para escutar a sonoridade do mundo mágico da criança. Penso que devemos ser garimpeiros e mecânicos de boa vontade para entrar no mundo mágico da criança para entendermos a alma da criança. Se não nos colocarmos no lugar das crianças, ficaremos sempre fora, a beira do portão do Reino dos Céus...Ficaremos na expectativa do desejo a margem da ignorância e\ou arrogância de nós mesmos. As testinhas proeminentes estão por todas as partes, bastam olhos docentes sensíveis, humildes e estratégicos para ver. Observar é preciso, desesperar não é preciso...e o Esperançar será benquisto. Quanto a problematicidade dos salários baixos dos professores eu deixo uma citação do Prof. Dr. Osvaldo Ribeiro (Faculdades Unidas de Vitória). “No fundo, há uma generalização. Alguns professores ganham muito mal, outros, ganham mal, alguns ganham o suficiente para uma vida boa. Seria interessante um estudo que mostrasse onde estão os maiores problemas - na faixa dos que ganham muito mal, dos que ganham mal ou dos que ganham bem. Se a questão for apenas salário, onde se ganha bem o ensino deve ser muito bom, e onde se ganha mal, muito mal. Penso bem?” abraços do Joe Joe.... Links recomendáveis: Teologia, Política e Fenomenologia da Religião www.peroratio.blogspot.com (Harmonias e Heresias) www.joevancaitano.blogspot.com MPB e Jazz (composições e arranjos de Joe). https://soundcloud.com/joevan-caitano "IGREJA" CRISTO EM NIETZSCHE (porque crer ou não crer é também pensar). http://www.facebook.com/groups/419277091456245/

0 Comments:

Post a Comment




 

Copyright 2007 | Blogger Templates por GeckoandFly modified and converted to Blogger Beta by André Monteiro.
No part of the content or the blog may be reproduced without prior written permission.